Literatura

Livro Filhos de sangue e osso – Tomi Adeyemi.

umapaixaochamadalivrosblog

Bom dia leitores,

Com um sucesso estrondoso de vendas e críticas, ficou quase impossível não ler e controlar a expectativa. E o livro não decepciona.

Revelando toda a cultura africana, senti familiaridade por ter lido Meio Sol amarelo dias atrás e já conhecer a comunidade iorubá, o que foi uma ótima surpresa.

Um mundo de #fantasia que nem é um gênero que eu leia sempre, de forma original, escrito por uma autora nigeriana que traz a cultura afro e dá aula contra o preconceito, racismo e machismo de forma inclusiva e inteligente.

Contado a partir de três pontos de vista, a protagonista sendo Zélie, a encantadora Amari, minha preferida e Inan, seu irmão e próximo rei. O pai deles, após perder toda a família, culpa a #magia por tudo de ruim na sua vida e consegue chegar ao poder aniquilando todos os magis, incluindo a mãe de Zélie e Tzain…

Ver o post original 105 mais palavras